Murilo Rosa ganhou  R$ 130 mil após fotos íntimas vazadas
Reprodução Instagram
Murilo Rosa ganhou R$ 130 mil após fotos íntimas vazadas


EXCLUSIVO : Foi encerrado definitivamente este ano o processo que o ator Murilo Rosa ingressou na Justiça contra o Google após fotos íntimas vazadas na internet em 2013. Somente agora, em 2021, o processo teve 'trânsito em julgado'. Ao longo de todos estes anos o buscador vinha recorrendo da sentença. Ao todo o artista recebeu R$ 130 mil a título de danos morais. O valor foi divulgado em primeira mão por este colunista no programa A Tarde é Sua.

As fotos íntimas do ator foram vazadas em março de 2013. Naquele ano Murilo Rosa artista teve seu computador invadido por uma pessoa desconhecida que chegou a fazer contato com o artista pedindo dinheiro para não promover o vazamento das imagens. As fotos faziam parte de uma vídeochamada feita pelo skype entre Murilo e a esposa, e que estava guardado em seu computador. O caso também foi investigado na época pela Polícia Civil do Rio de Janeiro como tentativa de extorsão.


Em 2014 a 4 Vara Cívil do Tribunal de Justiça do Rio condenou o Google a indenizar o ator em R$ 50 mil por não ter excluído o tema das buscas após diversas notificações extrajudiciais enviadas à empresa pelo advogado do ator, Ricardo Brajterman. 

Você viu?

Além de condenar o Google, a Justiça de primeira instância também determinou que todas as páginas que reproduzissem as fotos do ator seriam excluídas sob pena de multa diária de R$ 10 mil. Um ano antes, Murilo Rosa já havia obtido pela Justiça uma liminar que determinava a exclusão de todas as fotos em resultados de busca do Google e também do Youtube. 

O valor recebido a título de danos morais pelo ator depois desses oito anos ultrapassou o dobro determinado pela sentença de primeira instância. O motivo foi uma série de recursos que foram impetrados pelo buscador, sendo que todos foram negados pelas instâncias superiores. 

Este colunista entrou em contato com o advogado que tomou conta do caso, Ricardo Brajterman. Ele explicou que o montante somou juros, correções monetárias, horonários advocatícios e também o pagamento de todas as custas processuais ao longo de todos esses anos na Justiça. 

- Meu cliente e eu ficamos bastante satisfeitos com o resultado deste processo - disse Brajterman.

Murilo Rosa não foi a única vítima deste tipo de crime. Diversos outros famosos já acordaram e tomaram um baita susto quando se depararam com fotos íntimas vazadas pela rede digital. Entre eles estão o cantor Tiago Iorc, as atrizes Carolina Dieckmann e Paola Oliveira, a cantora Luísa Sonza, e também os atores Paulo Zulu e José Loreto.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários