É grande a insegurança da Globo em relação ao programa de Huck aos domingos
Reprodução/Globo
É grande a insegurança da Globo em relação ao programa de Huck aos domingos


Durante uma reunião na TV Globo com cerca de 20 pessoas, o temor em relação à briga pela liderança de audiência na emissora aos domingos foi colocada na mesa quando o assunto era falar sobre o novo 'Domingão com Huck'. De acordo com os executivos presentes, não há dúvidas que os dois primeiros programas - a partir do dia 05 de setembro - vão angariar grande audiência. O medo, segundo a conversa, gira em torno do terceiro programa em diante.

O primeiro programa com Luciano Huck no comando já prevê grande audiência. O primeiro motivo é novidade. O público, curioso, não perderá a oportunidade de avaliar o desempenho do marido de Angélica à frente da atração. Mas existe também um outro grande motivo: neste mesmo dia a Globo transmitirá o jogo entre Brasil e Argentina pelas Eliminatórias da Copa do Mundo do Qatar.


Você viu?

De acordo com o conteúdo conversado nesta reunião, o temor da emissora concentra-se mesmo a partir da programação do dia 19 de setembro em diante. Isso porque, passada a novidade, executivos da emissora temem que a programação de domingo exibida pelo SBT e pela RecordTV encostem na audiência do Domingão com Huck, ou até mesmo retirem liderança de ibope da PlimPlim. 

Para isso, por mais que o assunto esteja sendo guardado a sete chaves na emissora, a escolha pelo nome Domingão 'com' Huck' é consequência de um ato normativo interno que vai de encontro a esse temor. Caso o nome de Luciano Huck não tenha bons índices de aceitação e audiência a partir do programa do dia 19 de setembro, a emissora pode colocar outra pessoa à frente da atração a partir de 2022. Por isso a escolha agora na TV Globo de não personificar nome dos apresentadores nos programas da casa.

O nome para os programas da Globo serão pensados no mesmo molde do 'Encontro com Fátima'. O público, por exemplo, já reparou que a emissora só anuncia o 'Encontro' quando Fátima está de folga, ou precisa ser substituída por alguém. A escolha por manter essa estratégia é justamente para que o Domingão possa servir a outro nome caso Luciano Huck perca audiência aos domingos para o SBT ou a RecordTV, uma vez que as pesquisas não apontaram cenários favoráveis para a solidificação do seu nome aos domingos a partir do terceiro programa.

Internamente sabe-se que, uma vez retirado dos domingos da Globo, Luciano Huck não aceitará continuar na emissora e seu contrato poderá ser rescindido. Mas, de acordo com um dos executivos do Grupo Globo, "nenhum nome está acima da audiência", que é prioridade e fator decisivo na emissora para que ela continue com suas altas cotas publicitárias, ou seja, vale tudo pela liderança da audiência. A Globo faz questão de manter a liderança da audiência como a sua principal marca registrada.

E este é o verdadeiro motivo para que nenhum apresentador tenha sido ainda anunciado na programação de sábado a partir de 2022. Isso porque, caso Luciano Huck não se firme na liderança de audiência, Leifert poderá retornar aos domingos. Tudo agora está nas mãos do público e da audiência em torno de Luciano Huck na emissora. E essa avaliação será feita apenas do terceiro programa em diante - a partir do dia 19 de setembro. E como disse um dos diretores presentes nesta reunião, "agora é esperar para ver!".

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários